quarta-feira, julho 15, 2009

Herói (dedicado)

Vem ele lá, pronto pra me salvar
O brilho ascendente, impossível me enganar
É ele sim, olha ele lá
Meu doce herói, vindo pra cá

Vem queimando minha noite sombria
Toda noite agora é dia
Me fazendo flutuar, borbulhar
Toda dor darar, daqui escapar

É difícil, mas é real
Distorcido as vezes, não faz mal
No nosso mundo a gente manda
vem amor, vem, anda

NÓS fazemos o nosso destino
Interferê ncias a parte, nosso amor é divino
Me deslumbro em sua auréola a brilhar
Somos um só, nos separar é nos matar .


. Caio Fernandes .

sábado, julho 11, 2009

Passado X Futuro

Não adianta olhar para atras
Você não pode voltar
Não perde tempo se crucificando mais
Isso só vai te atordoar

Extremece tua face mórbida
Se crucifica por mais uma ferida
Mais uma subida
Nessa longa estrada da vida

Continuar a avançar
Pronto para tudo enfrentar
É o veneno da cobra afiada
Pronto pra dilacerar uma manada